top of page
  • Foto do escritorAlex Fraga

Poesia - A chegada da poesia, por Isaac Ramos



Segunda-feira no Blog do Alex Fraga é dia de poesia com o professor universitário, poeta e escritor de Campo Grande (MS), Isaac Ramos, com "A chegada da poesia"


A CHEGADA DA POESIA

(Isaac Ramos)


Desavisada, mal-acostumada, ela tirou-me da cama

Fez-me comer. Deu-me água, mas não saciou minha sede

Deu-me luz e claridade através dos versos

Para que não me perdesse na noite

Tomou-me horas, minutos e segundos

Que o relógio há pouco havia marcado.


Poeletrou meus pensamentos

Fez-me posar para uma página estrelada

E esperar a chegada do matutino

Viajando na cauda de um poemeta de hálito


Astuta, estando eu desarmado e desamado

Levou minha sonolência para o fundo da cisterna

Afogou-me na fonte das palavras maduras

Que produziam verdes frutos para o devaneio

Noites vaginiformes ponteavam

Lábios azuis-virginais da manhã.


Deixou donzelas no caminho embevecidas

E matronas enrubesceram-se devido

Ao acasalamento noturno-matinal

Possessivas e possessas exalaram

Um beijo cálido como o bálsamo do amor.


A fragrância exótico-poética inscreveu

No meu subconsciente o desejo de ser um pena

Apenas e tão somente para carrear a fantasia

E tentar luzir os destinos dos chamados proteus.


(livro ASTRO POR RASTRO, 1988, p.6)

20 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo

1 commentaire

Noté 0 étoile sur 5.
Pas encore de note

Ajouter une note
Invité
27 mai
Noté 5 étoiles sur 5.

❤️❤️❤️❤️❤️❤️❤️❤️❤️❤️🤜🤜🤜🤜❤️❤️❤️❤️🤜🤜🤜🤜👏👏👏👏👏👏

J'aime
bottom of page