• Alex Fraga

Música – Duo Solosolar mostra sua musicalidade nesta sexta no Sesc Cultura

Um show especial acontece nesta sexta-feira (12), às 20 horas no Sesc Palco 22 em Campo Grande. É que acontece a apresentação musical intimista Duo Solosolar. Ele é formado pelos músicos. O duo é formado pelos músicos: Carlota Philippsen (voz, theremin digital e percussão) e Altair dos Santos (voz, craviola e violão de nylon), que com sua convivência somada a experimentação nas composições, afinações, notas, harmonias, melodias, modulações, letras e por fim os arranjos demonstra em seu trabalho o fruto gerado pelo duo, sendo esta a história a contar no show com as canções que foram feitas e em parte, de forma inusitada, simples ou múltipla no diálogo entre a música e o espectador.


Altair dos Santos já participou de diversas bandas, entre elas Noise of Hell (que depois virou Krematory, 1992), Clariceps Porpuréia (1995), Mr. Hyde (Bolívia, 1997), Ameríndios (2011) e integra o duo Solosolar desde 2001. É compositor com diversas canções gravadas por outros artistas: Filho dos Livres - República dos livres pensamentos (2007): Três mandamentos (Altair dos Santos/Guga Borba/Guilherme Cruz), Sol (Altair dos Santos/Guga Borba), Quem? (Altair dos Santos/Guga Borba), Aurora (Altair dos Santos/Guga Borba/Guilherme Cruz), Novo ciclo (Altair dos Santos/Guga Borba/Guilherme Cruz), Siempre aqui (Altair dos Santos/Guga Borba/Guilherme Cruz), Quintal (Altair dos Santos/Guilherme Cruz), Prosa (Altair dos Santos/Guga Borba/Guilherme Cruz), Tocarraú (Altair dos Santos/Guga Borba/Guilherme Cruz); Rodrigo Teixeira e Mandioca Loca (2008): Terra que não é minha (Altair dos Santos/Jerry Espíndola); Hermanos irmãos (2011): Terra que não é minha (Altair dos Santos /Jerry Espíndola); Naip: O disco (2014): Aliança (Altair dos Santos / Guga Borba/Hudson Bonfim), O disco (Altair dos Santos/Guga Borba/Hudson Bonfim) e Agite antes de usar (Altair dos Santos/Guga Borba/Hudson Bonfim); Guga Borba - 7º satélite (2014): Bola de cristal (Altair dos Santos/Guga Borba), Cigana (Altair dos Santos/Guga Borba), Me dê a mão (Altair dos Santos/Guga Borba), Morena do ipê (Altair dos Santos/Guga Borba) e Velho violão (Altair dos Santos/Guga Borba/Hudson Bonfim); Clube do Litoral Central: Terra que não é minha (Altair dos Santos/Jerry Espíndola) (2018).


Carlota Philippsen é formada em Psicologia (UCDB, 2002) e também é multi-artista, ativista e feminista. Começa atuar no audiovisual na direção de arte em O Subsolo da Mente (Mariana Sena, 2008); direção de arte e figurino no curta-metragem Ela Veio Me Ver (Essi Rafael, 2011); produção no curta Monologo à três! Ou eu, eu mesmo e a Cássia! (Thiago Moraes, 2011) e Too Amy (Thiago Moraes, 2012); atuou como atriz no curta Chat, Um Curta Perigoso (Cid Nogueira, 2012. Prêmio FUÁ 2013). Em outubro de 2012 a dezembro de 2013 integra o coletivo artí

stico Estúdio Vespa como fotógrafa, produtora e criação, em parceria com o es􀆟lista Fábio Maurício e o artista plástico Ghva, desenvolvendo os editoriais de moda: Joalheria Ka􀆟a Anffe Ateliê (2012), Loja Rouparia (2013), Loja Peplum (2013); intervenções urbanas (Campo Grande/MS) em quatro edições do Sarobá/Imaginário Maracangalha; figurinos (máscaras) no Carnaval da Valu (2013); exposições fotográficas/plásticas e desfiles de moda nos eventos: T'Amo na Rodoviária (Cond. Novo Oeste, CG/MS, 2013/14), Luz na Rodô (Cond. Novo Oeste, CG/MS, 2013/14), Rebobinar (Centro Cult. José O. Guizzo, CG/MS, out-nov2013).

21 visualizações

© 2023 por O Artefato. Orgulhosamente criado com Wix.com

  • Facebook B&W
  • Twitter B&W
  • Instagram B&W