• Alex Fraga

Teatro - Viviane Araújo e Eri Johnson dia 9 no Palácio Popular

Os atores Viviane Araújo e Eri Johnson os dois atuam pela primeira vez juntos na peça "Quem é Quem", que será encenada em Campo Grande(MS) no Palácio Popular da Cultura no próximo dia 9 de novembro, às 21 horas. É mais uma promoção de Pedro Silva Promoções e Jamelão. Os ingressos já estão à venda: Setor B R$ 100,00 / meia R$ 50,00;Setores A / C / E R$ 90,00 / meia R$ 45,00; Setores D / F R$ 70,00 / meia R$ 35,00. Eles poderão ser adquiridos no Stand Comper Jardim dos Estados ou mesmo pela internet através do site https://www.pedrosilvapromocoes.com.br. Mais informações nos telefones (67) 99296-6565 e (067) 3326 – 0105. A classificação é de 14 anos



"Quem é Quem" é um espetáculo sobre um casal que se conheceu pela internet, pela internet. Luciano, interpretado por Eri Johnson e Luciana, vivida por Viviane Araújo, usam os codinomes Lobo Solitário e Gata Maluca e marcam um encontro às escuras. Só que a surpresa de ambos é que eles não são exatamente como descreveram em seus perfis na internet e logo descobrem que seus perfis virtuais ocultavam as personalidades de um ladrão e de uma ninfomaníaca. A peça fala de coisas que são reais e também pode passar uma mensagem de alerta muito séria, mas também com muito humor.


Lobo Solitário é um assaltante inexperiente com princípios éticos, e se considera uma vitima da sociedade. Gata Maluca é uma mulher com complexo de rejeição por não conseguir manter relacionamentos duradouros. E para se curar, resolve usar os homens apenas como um objeto sexual, não admitindo nenhum tipo de recusa, já que se encontra num tratamento intensivo de análise psicológica. Entre inúmeras discussões, um distraído romantismo vai tomando conta do casal. A noite que deveria ser apenas um simples e corriqueiro assalto ou um sexo descomprometido, se transforma em uma noite divertidíssima, e, teoricamente de papéis invertidos na relação Homem x Mulher. Leve, bem humorada e atual, essa comédia envolve o público desde o prólogo, já que o mesmo pode participar do espetáculo através de suas “lives”, transformando a peça numa interatividade social inédita no teatro.

0 visualização

© 2023 por O Artefato. Orgulhosamente criado com Wix.com

  • Facebook B&W
  • Twitter B&W
  • Instagram B&W