• Alex Fraga

Teatro – Peça espírita “Divaldo & Joanna” chega no dia 8 de novembro

No dia 8 de novembro (domingo), às 18 horas, no Centro de Convenções Rubens Gil de Camillo, conhecido como Palácio Popular da Cultura, acontece encontro de fé, amor e caridade entre o médium Divaldo Franco, um dos mais importantes divulgadores da Doutrina Espírita, e sua mentora espiritual, Joanna de Ângelis. O espetáculo é promovido pelo Pedro Silva Promoções e Jamelão: “Divaldo Franco e Joanna de Ângelis – Uma missão de amor” tem texto de Cyrano Rosalém e trata de um dos inúmeros encontros que originaram ricas obras psicografadas. Em cena, Érica Collares e Rogério Fabiano interpretam os personagens-título, e, com muita responsabilidade, aceitam o desafio de transmitir a mensagem de amor ao público. Caridade, amor, ciência e reflexão recheiam este espetáculo emocionante, com o apoio e revisão doutrinária da “Mansão do Caminho”.


Os ingressos já estão à venda: Setor B R$ 100,00 / Meia R$ 50,00; Setores A / C / E R$ 80,00 / Meia R$ 40,00; Setores D / F R$ 60,00 / Meia R$ 30,00. Eles poderão ser adquiridos no Stand Comper Jardim dos Estados ou pela internet: no www.pedrosilvapromocoes.com.br. Mais informações poderão ser obtidas pelos telefones: (067) 99296-6565 e (067) 3326 – 0105. De acordo com Pedro Silva, todos os cuidados estão sendo feitos: “ Inicialmente gostaríamos de salientar que a decisão da retomada gradual dos eventos por parte da nossa empresa se dá com muita responsabilidade, seguindo todas as normas de biossegurança, prezando pela saúde de todos e também pela possibilidade do retorno de renda a tantos trabalhadores envolvidos em um evento. Informo também que devido ao distanciamento social, dos 1.049 lugares existentes no Palácio Popular da Cultura vamos utilizar apenas 291, então sugerimos que garantam logo seus ingressos, pois são pouquíssimos à venda”.


O ESPETÁCULO – “Divaldo Franco e Joanna de Ângelis – Uma missão de amor” não é uma biografia, o que nada interfere na compreensão dos espectadores que não conhecem a trajetória do baiano Divaldo Pereira Franco, professor, médium, filantropo, orador espírita brasileiro e tido como o maior divulgador da Doutrina Espírita na atualidade. O espetáculo, que começa em 5 de dezembro de 1945, foca em suas caridades e obras.



No palco um perfeito casamento de filosofia, religião, ciência e ética. “Joanna é uma sumidade em ciência! Como espírito evoluído e estudioso, ela é enormemente atualizada com o progresso científico moderno. Sabemos que nossa sabedoria nos é transmitida por seres que aqui reencarnam para nossa evolução e nosso progresso. Ela decidiu fazê-lo através de um médium, Divaldo, exigindo que ele estudasse tanto quanto ela para poder expor suas ideias. Tento levar o melhor desse diálogo para o público”, conta o autor Cyrano Rosalém, que também assina a direção.

Emoção, humor, muita leveza e informação. A montagem tem tudo a ver com os avanços tecnológicos e científicos que vivemos hoje, mas faz alerta: “Joanna deixa claro que a ciência deve evoluir sempre para o nosso bem. Mas não dar o passo maior que a perna. Ela afirma que devemos, por exemplo, avançar cada vez mais na genética, mas sem brincar de tentarmos ser Deus. Primeiro a cura, depois a maneira de evitar a doença”, frisa Rosalém.

54 visualizações

© 2023 por O Artefato. Orgulhosamente criado com Wix.com

  • Facebook B&W
  • Twitter B&W
  • Instagram B&W