top of page
  • Foto do escritorAlex Fraga

Título - Aleixo Paraguassu recebe "Doutor Honoris Causa" nesta segunda na UFMS


O juiz aposentado Dr. Aleixo Paraguassu Netto, fundador do Instituto Luther King – Ensino, Pesquisa e Ação Afirmativa, será homenageado com o título “Doutor Honoris Causa” pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, durante cerimônia nesta segunda (27), às 19 horas, no Teatro Glauce Rocha. A solenidade terá transmissão ao vivo pelo canal da TV UFMS.

A entrega do título Doutor Honoris Causa é um dos maiores reconhecimentos acadêmicos de uma instituição universitária e busca celebrar as pessoas que serviram de exemplo para a comunidade universitária e para a sociedade. As personalidades de destaque foram indicadas e aprovadas pelo Conselho Universitário da UFMS.

O reitor Marcelo Turine celebra esse importante momento da comunidade universitária, destacando que as personalidades foram selecionadas por comissões específicas do Conselho Universitário. “A UFMS se orgulha muito de homenagear a cada ano importantes figuras do cenário nacional e regional, que passam a levar o nome da nossa Universidade. Parabéns aos homenageados e parabéns aos conselheiros por essa distinção”, disse.

Nascido em Belo Horizonte (MG), Aleixo Paraguassú Netto ingressou no mercado de trabalho e na carreira militar ainda muito jovem. Casou-se, teve filhos e voltou a estudar, graduando-se em Direito. Atuou como juiz em diversas cidades do estado, antes de aposentar-se e assumir a Secretaria Estadual de Segurança Pública. No estado, foi também secretário de Educação, presidente da Caixa de Assistência dos Advogados e da Associação dos Magistrados. Foi professor universitário, atuou no Tribunal Regional Eleitoral, foi ouvidor agrário estadual e presidente da Escola de Governo do Estado.

Está na militância no Movimento Negro de MS desde 1985, tendo presidido o Conselho Estadual de Desenvolvimento e Defesa dos Direitos do Negro. Aleixo se destacou com a fundação do Instituto Luther King – Ensino, Pesquisa e Ação Afirmativa, que promove cursos gratuitos a pessoas em vulnerabilidade socioeconômica. A iniciativa tem proporcionado oportunidades para o acesso de muitos jovens à Universidade. Dentre os vários títulos honoríficos recebidos, estão a Comenda Darcy Ribeiro do Senado Federal e a Comenda de Direitos Humanos Dom Helder Câmara.

INSTITUTO LUTHER KING – Ensino, Pesquisa e Ação Afirmativa, também designado pela sigla ILK, constituído 15 de fevereiro de 2003, tem sede em Campo Grande, na Avenida Fernando Corrêa da Costa, 603. Dr. Aleixo Paraguassú capitalizou inúmeros adeptos à sua ideia de criar uma instituição que se dedicasse de fato a incluir adolescentes e jovens em situação de vulnerabilidade social, dando-lhes a oportunidade e as condições necessárias para se prepararem para ingressar, em situação de igualdade de condições, em uma universidade pública ou privada.

De forma incansável e objetiva nunca mediu esforços para prestar a devida assistência e acompanhamento ao conjunto das ações afirmativas implementadas e executadas ao longo dos anos. Outra razão de motivação era o reduzido número de brasileiros com curso superior, o que constituí fator de limitação para o desenvolvimento científico e tecnológico da sociedade brasileira. Em Campo Grande há uma significativa parcela da população em situação de vulnerabilidade social, razão porque os pertencentes a esse segmento têm como opção as escolas públicas para aprimoramento e ascensão social. Estas na sua maioria são inferiores na qualidade, comparadas às particulares.

A persistência desse quadro pereniza o paradoxo: as vagas da universidade pública, em especial aquelas dos cursos mais disputados são ocupadas pelos oriundos de famílias abastadas, ao passo que aos mais pobres sobra a alternativa da universidade privada que não raro tem qualidade duvidosa. Essa situação ainda é mais grave com relação às chamadas minorias sociais - negros e indígenas. Portanto, a grande motivação de criação do Instituto Luther King foi, e ainda é, dar as pessoas em situação de vulnerabilidade socioeconômica, melhores condições de competitividade no ingresso no curso superior e contribuir dessa forma para redução da desigualdade social.

O caráter educacional da instituição busca imprimir como marca a oferta de oportunidades para adolescentes, jovens e adultos em situação de vulnerabilidade social. Para tanto, oferece, curso preparatório para o vestibular e para o ENEM, além de cursos de informática básica ao longo do ano.

O curso pré-vestibular oferecido no ILK abrange cerca de 140 alunos por ano. Ele tem como critérios que os interessados em se inscrever no programa sejam oriundos da rede pública de ensino, tenham concluído o ensino médio ou estejam cursando o último ano e a renda familiar per capita não seja maior que um salário mínimo e meio. Exige-se ainda frequência de pelo menos 90% das aulas, sob a pena de perda da bolsa.

O processo seletivo dos interessados a uma vaga no Cursinho Pré-vestibular do ILK se dá por meio da análise das notas do histórico escolar do ensino médio nas disciplinas de língua portuguesa, matemática e biologia, além da análise socioeconômica.

Avaliação socioeconômica dos candidatos que se inscrevem para o ingresso no curso pré-vestibular se dá por meio de entrevista social individual dos alunos, na qual se observa a condição socioeconômica de cada família, bem como a estrutura familiar a que pertencem, a fim de avaliar a necessidade de apoio social ou mesmo com vale transporte.

O Instituto possui quatro salas equipadas com carteiras e lousa digital (em três salas) e tem a capacidade de atender trinta e cinco alunos por turma. São oferecidas refeições aos alunos diariamente, considerando que a maior parte dos alunos vai direto do trabalho para o Instituto. Isto é possível graças às parcerias instituídas que oferecem donativos alimentícios para o preparo das refeições.

As aulas têm início no mês de fevereiro e prosseguem até dezembro, abordando disciplinas de exames de vestibulares e das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) além de um trabalho de conscientização de direitos e cidadania por meio de palestras esporádicas. As apostilas e atividades de pesquisa e estudo são indicadas pelos professores complementando, assim, o aprendizado. O Instituto possui também, enorme acervo em sua biblioteca, com exemplares de livros que atendem as n ecessidades dos alunos que irão prestar o ENEM e o vestibular em âmbito nacional.

Nas ações e no planejamento estratégico do Instituto são consideradas duas referências fundamentais; os valores institucionais e a visão sistêmica da instituição. Isto porque os primeiros conferem foco e a segunda proporciona o conhecimento dos fatores relevantes para execução da missão. Os valores institucionais do ILK: Missão: contribuir para redução da desigualdade social oferecendo ensino de qualidade para alunos em situação de vulnerabilidade socioeconômica; Visão: educação de qualidade fator de transformação social; Valores: excelência, inovação, ética e responsabilidade social, conferem os fundamentos para sua existência.

Reconhecidamente no Brasil, as pessoas pertencentes às famílias de baixa renda, em sua maioria, não entenderam ainda que a educação representa o caminho para a superação de todos os óbices ao longo da vida. Talvez pela falta de incentivo dos pais por também estes não terem recebido tais valores em sua trajetória, ou até mesmo pela necessidade de que a criança precisa dispor do trabalho, como fator indispensável da complementação da renda, mesmo na presença de legislação proibitiva neste aspecto. ( Assessoria de Imprensa)


38 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo

1 Comment

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
Guest
Nov 27, 2023
Rated 5 out of 5 stars.

Merecido

Like
bottom of page