top of page
  • Foto do escritorAlex Fraga

Show - Tetê Espíndola e Orquestra de Câmara do Pantanal nesta quinta no Glauce Rocha

"Acústicas da Natureza" é um trabalho inédito da grande artista sul-mato-grossense

Terezinha Maria Miranda Espíndola, ou simplesmente Tetê Espíndola. A cantora, compositora e multi-instrumentista de vozes sul-mato-grossense retorna aos palcos de Campo Grande (MS) neste dia 25 de agosto, véspera do aniversário da Capital. Ela estará no Teatro Glauce Rocha juntamente com a Orquestra de Câmara do Pantanal (OCAMP) e apresetará o show intitulado "Acústicas da Natureza", evento que faz parte do Encontro de Música Cl[assica 2022, a partir das 20 horas.


Ao longo de seus 44 anos de carreira, a artista ganhou inúmeros prêmios pelo seu trabalho voltado para a experimentação e recriação do universo ecológico brasileiro. Esse trabalho envolve suas composições com a craviola e tem uma série de coincidências esse ano. A apresentação vai dar origem a um novo álbum, gravado ao vivo. Tetê já havia feito um trabalho com a OCAMP e com o musicista Marcelo Loureiro, mas este do dia 25 será singular.


Nascida em Campo Grande (MS), numa família que tornou-se icônica a partir da arte da maioria dos irmãos. Dos sete filhos de Alba Miranda e Francisco Esíndola, Humberto, Sérgio, Geraldo, Alzira (Alzira E), Marcelo (Celito) e Marcos Jerônimo (Jerry) despontaram para a música. Apenas Valquíria que tornou-se enfermeira, não dedicando-se totalmente a arte. Tetê herdou de sua mãe a inspiração para a música. Na infância gostava de ouvir música cl[assica e aos oito anos já apreciava os conjuntos paraguaios que tocavam nas rádios. Ouvia Beatlhes, Jovem Guarda, Janis Joplin e Bossa Nova, que marcaram sua adolescência.

68 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentarios

Obtuvo 0 de 5 estrellas.
Aún no hay calificaciones

Agrega una calificación
bottom of page