• Alex Fraga

Reflexão - "O velho sapato de lona", de Silvio D`Prospero


Novo texto de Reflexão do escritor SIlvio D`Prospero, hoje residindo em Curitiba - Paraná. - - - -



- - - REFLEXÃO - O VELHO SAPATO DE LONA


- - - - Silvio D Prospero (Véio D'Prospero)


Quando me ví segurando o velho sapato de lona, surrado, desbotado e com alguns furos, sentei no degrau da escada da varanda e meus pensamentos viajaram no tempo.

Lá estava eu, caminhando na estrada longa, na praia deserta, no boteco da esquina, nos encontros com os amigos, nas rodas musicais, o parceiro calçava meus pés e, como se soubesse o caminho que eu ia seguir, me levava pé ante pé até ao destino.

Seu descanso era sempre ao meu lado, debaixo da cama, e ficava triste ao meu ver usar outro que não fosse ele.

É, o tempo passou, o desgaste se fez presente e a hora do descanso chegou, meu velho amigo precisava disto.

Um barulho qualquer me faz voltar à realidade, meu amigo estava em minhas mãos pronto para o adeus.

Embrulhei cada um deles num saco de papel e distribuí em duas latas de lixo reciclável, pois não queria que eles voltassem a caminhar, especialmente em outros pés.

Ainda hoje sinto eles abraçando meus pés, que já não caminham mais, nem tem destinos a buscar, apenas descansam, no chinelo do tempo!



(Véio D'Prospero)


10 visualizações0 comentário