• Alex Fraga

Reflexão - "O Arco-Íris", por Sylvio D Prospero

Segunda-feira, no Blog do Alex Fraga texto de reflexão do escritor e poeta de Curitiba (PR), Sylvio D Prospero, com o seu "O arco-íris".


Quando eu era criança, lá no bairro do Caxinguí em São Paulo, um dos meus sonhos era ser adulto, para poder sair à procura do pote de ouro no fim do arco-íris. Quando chovia e o sol aparecia, eu ficava esperando ele iluminar o céu com suas cores e, rapidamente rabiscava numa folha de papel, o possível mapa para chegar no seu final. Saindo da minha casa, andava até ao portão, descia a rua, que dava na igreja, virava à esquerda, padaria do seu João e o risco se perdia, pois era o mais longe que eu havia estado, o resto da trilha acabava sempre no lado esquerdo da folha, o que para mim era o começo do caminho até o fim do arco-íris. O tempo passou, meus objetivos mudaram, alcancei outros tesouros, em outros arco iris que a vida me proporcionou. Hoje minha folha de papel com o mapa continua sem o caminho daquele arco-íris e do seu pote de ouro, mas não fico triste, pois criei meu arco íris, depois de muitas chuvas em dias de sol e encontrei meu pote de ouro, minha vida, até aqui !.

(Véio D'Prospero)

15 visualizações0 comentário