top of page

Reflexão - Diário de uma Idosa 149, por Joana Prado Medeiros

Quarta-feira no Blog do Alex Fraga é dia de texto de reflexão da professora universitária, historiadora, poeta e escritora de Dourados (MS), Joana Prado Medeiros, com seu texto do Diário de uma Idosa, 149.


DIÁRIO DE UMA IDOSA 149


Cai da caixa junto com elas (as palavras) são como cargas a granel, escapuliram. Maior tempão que não sentia algo assim do nada, sem eixo, sem propósito, sem razão e nem porquê! ...Simplesmente não sei o que fazer...Minha cabeça doeu...Fiquei mole todo o corpo derreteu...Chego correndo em casa e não sei se tenho sede, fome ou sono...Vou ao banheiro e as emoções não sai nem por cima nem por baixo...Estou tão cheinha de felicidade!...Que me agarro nas cadeiras da mesa do jantar...Tenho medo de abrir a porta... Será que irei flutuar!!! Felicidade é tão quentinha, aquece e não queima...Aquece e não dá sono...Me dou um beliscão...Quero aproveitar...Sem medo do tobogã das horas tristes...Do dragão que tudo engoli. Felicidades é!!! Visto a roupa do sapo hoje lilás amanhã cinza ontem laranja...Olhares, vitrais...


(Joana Prado Medeiros - 17/01/23 - Direitos Autorais Lei 9.610, 19/02/98)

18 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Rio VERDE-

RIO VERDE RECEBE BONITO BLUES & JAZZ COM ATRAÇÕES REGIONAIS, NACIONAIS E INTENRNACIONAIS Com atrações do Brasil, Argentina, Paraguai e EUA, acontece pela primeira vez na cidade de Rio Verde (Mato Gros

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page