• Alex Fraga

Poesia - Um grito para igualdade, por Gerson Marques Camargo

O espaço de poesia da terça-feira, no Blog do Alex Fraga é com o poesia e escritor de Rio Brilhante (MS), Gerson Marques Camargo, com seu poema "Um grito para igualdade".

Um Grito Para Igualdade


Um mundo tão desigual, onde na mesa falta o pão, tudo se faz natural, até a maldade e a corrupção.


Na vergonha de ser honesto, a justiça virou utopia, onde o cinismo manifesto, cresce como a luz do dia.


Nossos caminhos são distantes, na distancia que nos separa, encontrar uma luz no horizonte, tornou-se remota e muito rara.


O coração do homem se corrompeu, tomado pelo egoísmo e a ganância, tudo se perdeu pelo caminho, ate a lealdade e a confiança.


Na falta de ternura e carinho, o amor perdeu sua razão, tantas pedras pelo caminho, falta companheirismo e união.


E o futuro das nossas crianças, os nossos pequeninos e inocentes, fontes de toda a esperança, para um mundo melhor e onipresente.


Não existe mais amizade sincera, dona da franqueza e a verdade, o sorriso franco que pondera, perdeu seu lugar para a traição e falsidade.


mas...o futuro ainda esta por vir, na esperança de um novo amanhã, sempre haverá um novo porvir, ele chega como uma chuva temporã.

Gerson Camargo

16 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo