• Alex Fraga

Poesia - "Sopra vento, balança a vida", por Mirian Camacho

Sábado, dia de poesia no Blog do Alex Fraga, com a cantora, compositora, poeta, professora de artes e dança, Mirian Camacho, com "Sopra vento, balança a vida".



Porque a menina andou na

calçada, a flor brotou no

canteiro, fez voar o cabelo no

pulo da amarelinha... Voou a pedra e bateu na janela

da moça que ainda dormia ...

Porque a moça abriu a janela, o

sol chegou por inteiro, lançou

brilho fez um laço e a moça

enfeitou o cabelo. Seguiu o dia

e foi-se a hora da senhora

no espelho ...

Porque a senhora se viu

no espelho, cabelo mudou de cor...

Fez-se amor pela menina e pela

moça faceira, de saudade tinha

os sonhos, sentados numa cadeira ...

Eh linha bonita... Sopra vento, balança a vida . Clareia a flor no bem me quer,

pra passar sem dor, o inteiro de uma mulher. Fazendo brotar no canteiro, tudo que ainda não veio...

Virá, virão .... porque lá de trás guardou o tempo no leve fio de algodão. Mente quem diz que não deu três nós na ponta da linha...

É preciso costura segura pra vida não escapar da agulha...

dos dedos, das mãos.


81 visualizações0 comentário