• Alex Fraga

Poesia - "Saudade Mortífera", por Benedito C.G.Lima

Terça-feira no espaço de poesia do Blog do Alex Fraga, de Corumbá (MS), Benedito CG Lima, poeta, escritor, compositor, ativista cultural e do movimento negro, professor, criador de entidades e movimentos culturais.


SAUDADE MORTÍFERA

Benedito C. G. Lima


A musa desapareceu no sopro da distância

Apenas a visão

De um colo lindo

Divisou no pensamento: Pré-julgamento

Da delicia ou tormento.

Sei lá!

É preferível disfarçar com a verdade

Que a saudade é fogo- fátuo do amor.

Enquanto um anjo em vôo Bélico

Atiça a chama incondicional

Do impossível.

Fogo cruzado nos olhares

É como bala... que resvala.

Imagine só a dura ausência

Se cristalizando vespertinamente.

A musa, solene aparição real

De um sonho se corporifica num poema!

E só ela sabe esse segredo!

16 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo