top of page
  • Foto do escritorAlex Fraga

Poesia - Axioma Inexequível, por Helena Pereira




Sábado no Blog do Alex Fraga é dia de poesia com a poeta e escritora de Amambai (MS), Helena Pereira, com Axioma Inexequível


AXIOMA INEXEQUÍVEL


Se essa rua fosse minha

A lei deveria reinar

Mas de longe ouve rumor

Que o dinheiro tem altar


E que as notas de alto valor

Cantam canções de ninar

Para a balança da justiça

Sonolenta, balançar


A verdade em véus de prata

Fica muito bem escondida

E o dinheiro canta a nota

Que encanta a adormecida


No teatro da cidade

O vil metal rege a orquestra

De engano e impunidade

Melodia manifesta


E assim diz o ditado

"O dinheiro faz a lei dormir"

Esquecida em berço dourado

Verdade, venha logo descobrir


Este triste dito falado

Que onde o dinheiro fala

o certo morre calado!

45 visualizações3 comentários

3 comentarios

Obtuvo 0 de 5 estrellas.
Aún no hay calificaciones

Agrega una calificación
Invitado
24 feb
Obtuvo 5 de 5 estrellas.

Parabéns Helena! Linda poesia!

Me gusta

Invitado
24 feb
Obtuvo 5 de 5 estrellas.

Muito boa poesia. Parabéns

Me gusta

Invitado
24 feb
Obtuvo 5 de 5 estrellas.

Amei

Me gusta
bottom of page