top of page
  • Foto do escritorAlex Fraga

Obra - Jornalista Maranhão Viegas lança livro em Brasília neste sábado



Vai uma “Cápsula de Oxigênio” ai? . Esse é o nome da primeira obra que o cronista, poeta e jornalista Inorbel Maranhão Viegas que estará lançando neste sábado, no Infinu - 506 Sul Bloco A Loja 67 - W3 Sul, em Brasília. Ele morou por muito tempo em Campo Grande (MS) e em breve deverá estar lançando esse trabalho em Mato Grosso do Sul. É uma coletânea de crônicas do cotidiano escrita durante o tempo mais angustiante da pandemia de Covid-19, que obrigou o Brasil e o mundo a viver em isolamento, respeitar a ciência e repensar o modo de encarar a vida. Escrita de um tempo em que foi preciso sobreviver ao vírus, vencer o medo, não perder a esperança e de acreditar que a poesia salva.


Textos despretensiosos - Feitos, em princípio, como forma de manter sua própria sanidade mental. Distribuídos entre um pequeno grupo de amigos, por meio de aplicativo de mensagem, logo ganharam corpo e significância maiores do que se imaginava. Além de ajudar o autor a respirar um ar mais puro, os textos tornaram-se essenciais para um vasto número de leitores. Viraram ferramenta de oxigenação em cápsulas quase diárias.


Editado de forma independente, o livro é fruto de uma ação colaborativa liderada pelos leitores de primeira hora, sem o apoio dos quais não existiria. Não por acaso, coube à Viegas Editora, especializada em revelar autores independentes, nascida em Lisboa e transferida para São Luis do Maranhão, o desafio de revisar os originais, diagramar e publicar o livro “Cápsulas de Oxigênio”. Nas palavras da jornalista Ana Gabriella Sales, “o caos do tempo pandêmico nos fez buscar um refúgio seguro, da janela pra dentro.”

Maranhão Viegas recorre a um cilindro imaginário de oxigênio para nos abastecer com poesia e esperança nesses tempos de ar rarefeito.


24 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Komentarze

Oceniono na 0 z 5 gwiazdek.
Nie ma jeszcze ocen

Oceń
bottom of page