• Alex Fraga

Live – Bibi Carvalho e convidados: lembranças do samba da antiga!


Cartola disse um dia: “Gosto de fazer samba de dor de cotovelo, falando de mulher, de amor, de Deus, porque é isso que acho importante e acaba se tornando uma coisa importante.”. Na semana passada, em tempos ainda de isolamento social, o músico Bibi Carvalho, mais conhecido por Bibi do Cavaco fez sua live e trouxe convidados mais que especiais para tocar com ele belas canções, a considerada “samba da antiga”. Dois desses músicos estiveram com ele há anos do Grupo Zueira: Tonico da Viola e Néio de Jesus. Outro convidado foi da nova geração do samba de Mato Grosso do Sul, Gerson Espinosa. Assim, como outros artistas estão fazendo lives para ajudar os mais necessitados, os quatro artistas iniciaram uma roda de samba relembrando os grandes sambas. Assim já “chegaram” como Dona Ivone Lara, “Alguém me Avisou”, música que também fez muito sucesso com Maria Bethânia. Vieram em seguida, “É Tanta”, do príncipe do samba, Reinaldo,“Falsa Consideração” de Jorge Aragão. E em um bate papo descontraído com os seguidores da live (algo que deve ser assim, já que todos esperam que o artista de um alô), Bibi do Cavaco e seus convidaram foram passeando com essas canções que fazem parte da vida de muitos adoradores do bom som. Então veio “Recado”, do grande Gonzaguinha. Mas não poderia faltar, “Cantando a Tristeza”, de Antonio Bicudo, que fez parte também do Grupo Zueira. Bela e que é um verdadeiro hino do samba para o Estado. Com os vários pedidos, os músicos foram tocando e nos intervalos dando a atenção para os seguidores. “Além do Espelho”, João Nogueira, “Conselho”, Almir Guineto, “Amor de Abigail”, Jorge Aragão, “Folhas Secas”, Nelson Cavaquinho, “Retalhos de Cetim”, Benito de Paula, “O Bem e o Mal”, Danilo Caymmi e Dudu Falcão, “Volta por Cima”, Noite Ilustrada e outra linda música que faz parte do repertório dos grandes sambistas, “Sorrido Aberto”, de Jovelina Pérola Negra. Bibi do Cavaco, Tonico da Viola, Gerson Espinosa e Néio de Jseus encerraram a bela live de samba com “Espelho” de João Nogueira e “Armadilha”, música lançada em 1996, com o Exaltasamba. Foi uma live que valeu a pena assistir, ouvir e relembrar os bons tempos do samba em Campo Grande.

88 visualizações

© 2023 por O Artefato. Orgulhosamente criado com Wix.com

  • Facebook B&W
  • Twitter B&W
  • Instagram B&W