• Alex Fraga

Dourados – Escritora lança seu “Frêmito” neste sábado

Poemas, devaneios líricos e pensamentos fazem parte do livro Frêmito, sendo a segunda obra da escritora e poetisa Ana Claudia Brida. A obra será lançada neste sábado (14), a partir das 16 horas na Cafeteria Soneto Café (Rua Doutor Camilo Hermelindo da Silva, 820 – Jardim Caramuru) em Dourado (MS). A parte da renda das vendas será doada para a Associação dos Amigos dos Animais (AAMA).


O livro transborda sua verve poética em temas como a solidão, a metalinguagem, a percepção da fragilidade humana, o prazer espiritual e material do amor. São textos feitos para serem lidos num soçobro, na intimidade, para envolver o leitor com emoções e arrepios que não se sabem se são reais ou imaginários, mas que ainda assim, podem ser percebidos e saboreados; são como palavras ditas ao pé do ouvido, para estremecer e fazer com que o leitor se entregue ao prazer da leitura, como sugere o título, que significa exatamente “sussurro”, “rumor” ou “estremecimento”.


O eu lírico transita por todas as sensações, como um ser que errante caminha pela vida tentando se encontrar e sempre se depara com mais indagações que respostas, mas que independente de qualquer coisa, deseja usufruir dos prazeres da existência enquanto segue em busca por conhecimento e compartilhar suas percepções com o leitor, de um modo mais intimista.



Ana Claudia Brida é professora e escritora, em Dourados. Mestra em Antropologia Sociocultural, com graduação em Letras e especialização em Estudos Literários. Autora de “O Livro das Sensações” e “Frêmito”. Escreve romances, contos, crônicas e poemas e possui diversos textos publicados em coletâneas de livros, jornais regionais e sites da internet. Possui o perfil no Instagram @anacbrida em que disponibiliza parte dos seus trabalhos e faz resenha de obras de outros escritores.

0 visualização

© 2023 por O Artefato. Orgulhosamente criado com Wix.com

  • Facebook B&W
  • Twitter B&W
  • Instagram B&W