top of page
  • Foto do escritorAlex Fraga

FLIB - Diretor do Minc elogia feira e acredita em mais apoio ao setor literário


O diretor de Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas da Secretaria de Formação, Livro e Leitura do Ministério da Cultura, Jéferson dos Santos Assumção afirmou que é de fundamental importância dar apoio para feiras como a FLIB em Bonito (MS), e que ela tenha continuidade. Uma valorização não só do governo, como de todas as pessoas envolvidas na área cultural, educacional e empresarial para que haja um trabalho educacional de referência. Acredita que com esses novos tempos, principalmente no setor cultural, essa retomada irá alavancar rapidamente o setor.


O currículo dele é invejável, pois tem Pós-doutorado em Teoria da Literatura pela Universidade de Brasília (UnB) - Doctorado en Humanidades y Ciencias Sociales – Filosofía (Universidad de León, Espanha), Diploma de Estudios Avanzados (DEA) en Humanidades y Ciencias Sociales (Universidad de León, Espanha) - Graduação em Filosofia (Unilasalle). Foi Secretário adjunto de Estado da Cultura do Rio Grande do Sul, 2011-1014, Secretário municipal de Cultura de Canoas-RS, 2009-2010 eCoordenador-geral de Livro e Leitura do Ministério da Cultura, 2008. É escritor com mais de 20 livros publicados e professor de Escrita Criativa.


Assumção acredita que a Feira Literária de Bonito dá um passo enorme para que a população tenha acesso ao saber. Essa integração entre a leitura e natureza estimula a relação das pessoas e amplia a conexão entre educação. Para Jéferson Assunção, é no contato com a natureza que se desperta a consciência socioambiental e por meio da leitura acessasse conhecimento e desenvolve-se a imaginação. Acha que se conectarmos a criança com a natureza e o conhecimento, por exemplo, estamos construindo as bases para a formação de cidadãos conscientes, responsáveis e para a construção de um futuro mais sustentável.


"Com certeza o Ministério da Cultura sempre irá apoiar iniciativas como as da FLIB. Temos exemplos claros de outras feiras em todo o país, como no Maranhão, Pernambuco, no Pará, entre outros Estados que se valoriza e muito o mundo da leitura. É claro que tudo tem um começo como foi a de Paraty que hoje é uma das mais importantes do mundo (apesar que é uma iniciativa das próprias editoras). Esperamos que um dia essas grandes editoras olhem para esses locais como enxergam regiões do Rio de Janeiro e São Paulo. Isso somente irá crescer e criar potencialidades culturais no local. Aqui na FLIB pude constatar por exemplo a "árvore do saber", onde as pessoas podem desfrutar dos livros e poesia. Realmente algo maravilhoso. Apoiaremos sempre!", comentou.



39 visualizações2 comentários

2件のコメント

5つ星のうち0と評価されています。
まだ評価がありません

評価を追加
Paulo Sérgio Da Silva Caiano
Paulo Sérgio Da Silva Caiano
2023年7月06日

É inquestionável o valor da Feira Literária de Bonito para todo o contexto cultural do MS. O problema é essa data no meio da semana no final do bimestre letivo que não permite os professores de literatura e de outras áreas afins de participarem... por que não fazem para coincidir com as férias escolares?

いいね!

Maria de Lourdes da Costa
Maria de Lourdes da Costa
2023年7月06日

Parabéns, continue assim

いいね!
bottom of page