top of page
  • Foto do escritorAlex Fraga

Festival - Estudante de Ponta Porã vence 8º Fesmorena


*** João Humberto*** - - -


Com a canção ‘Igual não há’, a adolescente Hadassa Duarte, 13 anos, aluna da Escola Estadual Professora Geni Marques Magalhães, em Ponta Porã, conquistou o primeiro lugar no 8º Fesmorena, maior festival de música autoral do Estado voltado a jovens entre 7 a 17 anos, matriculados em colégios públicos e privados. Para casa, ela levou 3 mil reais, troféu e violão autografado por Almir Sater, Gabriel Sater, Guito Show e pela banda britânica Dire Straits. A canção de Hadassa fala a respeito do poder em nome de Jesus e para ela, o Fesmorena oportuniza a descoberta de talentos escondidos. “O Fesmorena é uma oportunidade para descobrir talentos escondidos. Com essa oportunidade, quero prosseguir com o plano de carreira como cantora gospel”, enfatiza.

A pequena Marina Weber, 9 anos, que estuda no Centro Estadual de Atendimento Multidisciplinar para Altas Habilidades/Superdotação, em Campo Grande, defendeu a música pop ‘A arte nos faz sonhar’, levando o segundo lugar da competição, com direito a R$1.500,00 e troféu. “A música fala sobre a importância de cuidar do meio ambiente, com apoio da arte e educação. Esse festival é muito importante para valorizar a cultura regional e quero continuar compondo para participar de festivais”. Já a estudante Mariana Machado, 11 anos, conhecida pelo nome artístico de Syél, que também estuda no Centro Estadual de Atendimento Multidisciplinar para Altas Habilidades/Superdotação, conquistou o terceiro lugar, com a canção ‘Como é lindo viver’, que lhe rendeu 750 reais e troféu. “Essa música fala a respeito das pequenas coisas da vida que me fazem querer viver. O Fesmorena é uma grande oportunidade para a descoberta e valorização dos talentos que surgem na nossa terra. É oportunidade para começar minha possível carreira musical, já que meus planos são estudar música em uma escola de artes, lançar minhas canções e ter uma experiência fora do Brasil. É meu grande sonho poder fazer carreira em outros países”.

Letra, voto popular e torcida – Na categoria Melhor Letra, a adolescente Ester Dias, também conhecida como ‘Ester e sua viola’, de 15 anos, aluna da Escola Estadual Professor Severino Queiroz, foi a grande vencedora, por meio da música ‘A mãe natureza’, que trata da preservação do meio ambiente, principalmente da nascente do Córrego Segredo; levou troféu e 750 reais para casa. “O festival é uma oportunidade pros jovens mostrarem os seus talentos. Independentemente do resultado, quero continuar estudando e fazer uma faculdade. Em relação à carreira musical, se surgir uma boa oportunidade, com certeza vou abraçar. A música é uma grande paixão, já que desde criança aprendi muita coisa com meus avós”. Com a canção sertaneja ‘Assim é a nossa terra’, o pequeno Wellinton Oliveira, 9 anos, aluno da Escola Municipal Irmã Irma Zorzi, em Campo Grande, homenageou o Pantanal, tocando sua viola caipira, e conquistou o prêmio de voto popular (R$1.500,00 + troféu), e melhor torcida (R$2.000,00 + troféu). “O Fesmorena é uma grande oportunidade de mostrar novos talentos e incentivar a carreira musical. Futuramente, pretendo estudar, aperfeiçoar e compor minhas próprias canções e se Deus abençoar, ter uma carreira de sucesso sempre levando na bagagem a música sertaneja e a viola caipira”.

Grande final – A grande final do 8º Fesmorena foi realizada no sábado (28), no Teatro Glauce Rocha, com 17 canções finalistas. Ao fim das apresentações, os jurados se reuniram e escolheram os vencedores, e em meio à apuração, houve show com a performance de grandes artistas regionais. Nessa edição, o corpo de jurados foi integrado pelo músico e jornalista pesquisador da música regional Rodrigo Teixeira; pela jornalista Bruna Mendes, apresentadora do MS1; músico Marco Aurélio, integrante da dupla com Victor Gregório; guitarrista e compositor Fabio ‘Corvo’ Terra, da banda ‘O Bando do Velho Jack’; cantora e compositora SoulRa; Marcelo Fernandes, doutor em Música e professor da UFMS, além da cantora, compositora e multi-instrumentista Ju Souc. Fesmorena – Promovido pelo Instituto Educacional Alexandrina Carlos Pinheiro, o Fesmorena teve início em Campo Grande em 2015. Podem participar estudantes de escolas públicas e particulares de Mato Grosso do Sul, com idades entre 7 e 17 anos. *** É jornalista

14 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page