• Alex Fraga

Dourados – Misbehavior lança sexta single e condena abuso infantil

Nesta sexta-feira (7), uma das principais bandas de heavy metal do Mato Grosso do Sul, a douradense Misbehavior estará lançando seu novo single intitulado “Will You Kill My Monster?” ( Você Vai Matar Meu Monstro?), um trabalho autoral que poderá ser acessado inicialmente no https://radar.ffm.to/misbehaviour-willyoukillmymonster (Radar Records) e posteriormente nas principais plataformas. Um trabalho que mostra uma realidade que poucas famílias têm medo de falar e também as próprias crianças que sofrem abusos, como relata o vocalista da banda, Gilson Buzzio que teve experiências terríveis em sua infância e que resolveu transformar a sua dor em música e poesia, alertando assim milhares de pais, mães e crianças que passaram e ainda passam por essa situação criminosa.



Em conversa exclusiva ao Blog do Alex Fraga, o vocalista disse como surgiu esse projeto. “Foi muito bom porque o pessoal da Radar que pela primeira vez começou a investir mais na gente, no nosso trabalho, onde fizeram o lyric vídeo por conta e fizeram a digitalização da arte feita pela artista visual douradense, Mariana Araújo que sensibilizou com a história e fez uma arte maravilhosa para gente como nós queríamos. A música fiz há uns quatro anos e ficou engavetada porque é uma música polêmica que fala de uma história triste que eu passei. Fiz a letra junto com uma amiga minha que é a Michele Valverde, uma poeta excelente e que escreve muito bem. Quando fui escrever essa música pedia ajuda dela, que sempre escreveu poema bonitos, tipo Alvares de Azevedo, polêmico... E aí ela contou também que passou por uma situação de abuso assim como eu. Então a música ficou muito rica porque foi feita por duas pessoas que passaram por essa situação. A música é um apanhado de situações que o abusado passa, pois ela se cala, tem vergonha, ou mesmo porque a outra pessoa ameaça ela. No meu caso eu era uma criança carente, morava no centro da cidade, onde aconteceu primeiro com uma emprega de casa e depois foi com um vizinho. Vieram outras coisas que nem vale a pena citar mais, pois esse não é o foco da história. O importante é dizer que transformei minha dor em música e poesia. Will You Kill My Monster? Representa para todas as pessoas que sofreram isso, o entendimento do sentimento do porque a gente se cala e porque devemos falar sobre isso. Eu vou levantar essa bandeira agora, porque todos se calam. Criança tem que ser criança e tem que estudar. Ela não tem que deixar ser “pegada” a todo instante. Temos alertar as crianças que ninguém pode ficar tocando elas de um modo que possam constrangê-las. Se isso ocorrer elas tem que contar para alguém de confiança delas. Levantaremos essa bandeira porque isso é mais comum do que nós imaginamos. Isso acontece todos os dias, até mesmo na própria família onde alguns casos em constatei”.

85 visualizações0 comentário