top of page
  • Foto do escritorAlex Fraga

Dourados - Carlos Magno Amarilha explica obra Bovinoletras indicada pela UEMS na FELIT

*** Fotos: Francielle Grott/CMD*** - - -

Fazendo parte do ciclo de palestra intitulado "A Literatura de Mato Grosso do Sul e o Vestibular", ocorrido da manhã no segundo dia da FELIT - Feira Literária de Mato Grosso do Sul, que está acontecendo em Dourados (MS), o presidente do Grupo Literário Arandu, poeta e escritor Carlos Magno Amarilha, falou sobre sua obra que foi indicada para o vestibular 2024 da UEMS - Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul, a "Bovinoletras"


Carlos Magno afirmou a os estudantes e poetas que sua obra sobre as coisas simples do meio rural. “A obra tem cheiro de boi no mato, de vaca dando leite, da terra vermelha, dos rios de Mato Grosso do Sul, de córregos urbanos sul-mato-grossenses, os barulhos dos pássaros da cidade, do cotidiano”, define o autor. Outra característica do livro é a linguagem simples que o autor usa para expressar as ideias", explicou.


O presidente do Grupo Literário Arandu falou também da importância de uma obra regional ser indicada para o vestibular. Acredita que é um grande marco, principalmente para sua carreira. Para se ter uma ideia da importância da indicação, é que a UEMS relacionou para os vestibulandos as seguintes obras: literárias: ‘O riso dos ratos’, de Joca Reiners Terron; ‘Casa Velha’, de Machado de Assis; ‘Ladrão de cadáveres’, de Patrícia Melo; ‘Azul dentro do banheiro’, de Marlene Mourão; ‘Selva trágica’, de Hernâni Donato; ‘Úrsula’, de Maria Firmina dos Reis; ‘Sururu com Coca-Cola’, de Luciano Serafim; ‘Bovinoletras’, de Carlos Magno; ‘Contos e novelas (Obras escolhidas: Ânsia eterna e A isca)’, de Júlia Lopes de Almeida; e ‘Enervadas’, de Chrysanthème.


151 visualizações1 comentário

1 Comment

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
Guest
Nov 12, 2023
Rated 5 out of 5 stars.

Parabéns!!!!


Like
bottom of page