• Alex Fraga

Crítica – Em E.T, Dkukas viaja para o imaginário do amor interior!


O simples sempre é algo agradável e para chegar nesse ponto, tem que estar com a sensibilidade à flor da pela. A música lançada pela banda Dkukas (com clipe) chamada E.T mostra que o amor, a busca e toda tonalidade de pensamentos devem estar sempre ligados ao prazer de apenas viver em paz, sem complicações ou preocupações. A composição feita por Maelson Cardoso mais uma vez mostra que a banda gosta de ser diferenciada a cada música lançada. Nestes tempos de pandemia, E.T faz com que sejamos “abduzidos” para o verdadeiro amor, sem se importar com outros, formas e planos. Apenas transmitir o que muitos deixam preso diante dos fatos, às vezes pequenos. Assim a letra diz: “Já não sei o que estou fazendo aqui pra ser franco, não faz assim quer saber, não vou mais me importar como humanos eu só quero namorar viajei de tão longe vou ficar meus segredos me fazem respirar vou sofrer, hoje vivo pra amar no inicio era só aventurar abre a porta hoje eu quero namorar abre a porta aqui é meu lugar abre a porta hoje eu quero namorar abre a porta aqui é meu lugar viajei de tão longe vou ficar meus segredos me fazem respirar vou sofrer, hoje vivo pra amar no inicio era só aventurar abre a porta hoje eu quero namorar abre a porta aqui é meu lugar abre a porta hoje eu quero namorar abre a porta aqui é meu lugar”. Por isso, sempre acredito que cantar e falar de amor tem que realmente estar pleno voo espeiritual, e a Dkukas mais uma vez mostra nessa canção que está sempre alerta aos fatos. É tempo de falar de amor e não de dúvidas. Transformar em outros seres, como o próprio clipe com animação o faz. Um trabalho maravilhoso, com roteiro assinado por Adrian Albuquerque e Marina Duarte; ilustrações de Marina Duarte e animação de Adrian Albuquerque. A captação foi de Lenni Santtos - Estúdio Subgrave. Produção executiva da própria Dkukas. Na guitarra, violão e gaita: Maelson Cardoso, teclado e back, a competente Lara Kell, bateria, a tão profissional e lutadora, Ellô Moura, no contrabaixo, Lenni Santos e por fim, mix e máster, Fabio Adames - Estúdio o2. Mais uma vez a Dkukas de Maelson Cardoso, Ellô Moura e Lara Kell, mostra muita qualidade musical e profissionalismo em um trabalho que deve ser mais valorizado pelos sul-mato-grossenses e em todo o país. Que venham novas e belas canções como E.T! Para ouvir essa bela canção é só acessar se inscrever e acessar a página da banda e que descobrirá muito e mais belas canções...vale a pena!

24 visualizações0 comentário

© 2023 por O Artefato. Orgulhosamente criado com Wix.com

  • Facebook B&W
  • Twitter B&W
  • Instagram B&W