• Alex Fraga

Crítica – Clipe “Força Bruta” é um grito de amor e uma nova era de Bèget!


A nova canção de Begèt De Lucena lançada recentemente, “queima todos os conceitos” do que desejam que o som tem que seguir certas métricas alienadas com segmentos esperados. “Força Bruta”, ante de tudo, mostra a maturidade desse artista singular e que é sem dúvida alguma, o que mais vem atingindo qualidade e sonoridade ímpar nos últimos cinco a seis anos por estas bandas. A música tem uma letra forte e que retrata a vontade de querer mais e mais diante as coisas, sem pensar em algumas consequências. Queima os tais conceitos e que diz assim: “Um caso debochado, a paixão desmonta/Sua força bruta vem como um machado/É tudo vermelho, e tudo também arde/Sua mão me lê como se eu fosse em braile/Angela Ro Ro, 2 ou 3 garrafas/A cama é uma ilha e a gente naufraga/Presos e perdidos, nossas esculturas/Se unem, então, formando assim só uma/Come na minha mão, percorre o meu corpo/E a parede abafa, vejo você louco/Fogo do meu fogo/Queima meus tecidos/Não tem fogo amigo, nem bandeira branca/Samba com meus pés, corre no meu sangue/E a parede acolhe o calor das minhas costas/Fogo do meu fogo/Queima meus conceitos/A sua força bruta pipoca meu peito/Eu tô pra me esquecer, amor/Eu tô pra me perder/Assim não tem saída/É o osso na ferida/Você me morde a carne/Me engole feito isca/E não tem profecia/Desse mudo cão Que fira rente a vida/E não passe pela mão/Eu sou fera ferida/Em gozo e sensação/A sorte na medida/O lucro pelo chão/Como na tua mão, bebo o teu corpo/A tua voz me grita, até que eu fique rouco/Fogo do meu fogo/Queima meu juízo/Fruto da minha lida/Eu corro teu perigo/Fogo do meu fogo/Queimo teus conceitos/A minha força bruta escorre no teu peito/Eu tô pra me esquecer, amor/Eu tô pra me perder”. “Força Bruta” antes de tudo é uma verdadeira revolução que Begèt praticamente grita para as pessoas que ele vive mais forte com o sangue da sua vontade de amar, e compor. Begèt está com o jeito mais solto de ser e querer o querer. Vale ressaltar que a produção e direção do clipe são perfeitas. A tonalidade vermelha, quente, sem dúvida coloca realmente o fervor do que é essa bela canção. Begét acertou em cheio nossos corações com seu “machado cortante” de puro amor! Recomendo ouvir e assistir por várias vezes!!!

15 visualizações0 comentário