top of page
  • Foto do escritorAlex Fraga

Crítica - Aurélio Miranda emociona público com sua eterna viola e belas canções

Atualizado: 7 de jun. de 2023

Foto- Silvio de Andrade*** - - - -


Uma emoção indiscritível rever o mestre dos mestres da viola retornando aos palcos após enfrentar vários problemas de saúde, mas que não o deixou largar do que mais ama: tocar para o público suas canções e os "modões" que o fizeram ser um dos principais nomes da música rural-sertaneja do país. Aurélio Miranda é daqueles músicos que mesmo com seu potencial artístico que o coloca no patamar dos grandes violeiros do Brasil, não se abala com nada. Em meio da sua simplicidade poética, sua participação no Festival Vozes da Fronteira foi de encantar a todos. Subiu ao palco com dois parceiros em Porto Murtinho (MS), e passeou com lindas canções de sua autoria, mas também sucessos de outros violeiros e cantores do país inesquecíveis. Aos 73 anos, o artista que quase encerrou sua carreira, não deixou a "peteca" cair justamente porque o palco é sua vida. Nesses mais de 50 anos, Aurélio Miranda não tem mais que provar absolutamente nada na música regional. Está sim entre os principais nomes da viola no Brasil, mas no entanto, como sempre ocorre, não é tão valorizado como merece ser. Um artista respeitado por toda a classe artística e que dá a atenção aos que aproximam querendo conversar ou bater um breve papo. No show, fez também o público presente cantar e relembrar velhas canções. Uma das mais aplaudidas e cantadas foi a inesquecível "Estrada de Chão", vencedora de um festival promovido pela TV Morena e que conquistou o grande público que o assistia no estádio Morenão. Aurélio Miranda, apesar de não ter soltado toda a sua voz (é óbvio, pois o retorno aos palcos tem que ser gradativo), brilhou juntamente com seus parceiros. Esse artista que tem um acervo musical irreparável, merece todos os elogios possíveis. Uma lenda viva desfilou para o público murtinhense e matou a saudade daqueles que tanto estávam sentindo falta desse artista que apesar de ter nascido em Poxoréu (MT) e se orgulha disso, tem uma grande paixão pelo Mato Grosso do Sul. Aurélio Miranda não é do Mato Grosso e nem do Mato Grosso do Sul. Ele é cidadão do Brasil rural. Muita emoção assistir sua arte de cantar e tocar emoções. Valeu cada minuto...

290 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page