top of page
  • Foto do escritorAlex Fraga

Clipe Musical - You Gonna Love The Blues, com Little Jeff

O Clipe do Blog do Alex Fraga é com o sul-mato-grossense Little Jeff, seu novo trabalho intitulado You Gonna Love The Blues.


FICHA TÉCNICA: Música: Little Jeff/Guitarra e voz: Little Jeff Harmônica: Ivan Márcio/ Baixo: Alexandre Artioli/Bateria: Big John/Piano: Hugo Cerzosimo. Participações Artísticas: Lyara Costa, Kamylla Marques, Tauane Gazoso, Frank Salomão. Direção, Fotografia e Produção de Vídeo: We Two Filmes (Larissa Neves & Breitner Dambroz)/ Produtor Artístico: Artioli 4x4.


SOBRE O CLIPE: A Magia do Circo: O circo, historicamente, tem sido um lugar de maravilhas, mistérios e exibições extraordinárias, representando um microcosmo da própria vida. Com seu charme vintage, o Circo Astros não é apenas um cenário, mas uma personificação de um mundo onde o extraordinário se torna possível e o impossível é desafiado. Dentro desse mundo mágico, o "Mágico Charlatão", interpretado por Little Jeff, não é apenas um personagem, mas uma representação da nossa capacidade de iludir e ser iludido. No circo, onde tudo é mais intenso e dramático, o Mágico Charlatão torna-se um símbolo da nossa própria jornada através das ilusões da vida, buscando a verdade por trás das aparências. Dualidade e Complementaridade: O "Mágico Charlatão" e a "Maga", interpretada por Lyara, podem representar aspectos complementares da psique. Enquanto o Mágico Charlatão pode simbolizar ilusão, engano e a capacidade de manipular a realidade, a Maga pode representar a sabedoria, a clarividência e a verdade. Juntos, eles refletem a dualidade da experiência humana, onde engano e verdade, sombra e luz coexistem e se interconectam. O Mágico Charlatão pode ser visto como um aspecto do arquétipo do "Trickster", que desafia a ordem estabelecida e traz mudanças, enquanto a Maga pode ser associada ao arquétipo da "Grande Mãe" ou "Sábia", simbolizando intuição, sabedoria e o aspecto místico. Em termos visuais e narrativos, a interação entre o Mágico Charlatão e a Maga pode criar um contraste dinâmico, como foi gravado no clipe. O Mágico Charlatão como Falso Herói no Globo da Morte Little Jeff, no papel do Mágico Charlatão, eleva a narrativa ao se aventurar dentro do menor globo da morte da América Latina. Essa ousada manobra é uma representação metafórica da habilidade dos charlatães de se passarem por heróis. O ato de arriscar a vida é um truque supremo, destinado a impressionar e conquistar a confiança do público, gerando endorfina e dopamina no telespectador. Às vezes os charlatães precisam ir a extremos, arriscando tudo, até mesmo a própria vida, para manter sua ilusão de grandiosidade e poder. A Maga e O Gato: Símbolo de Mistério e Independência O gato representa mistério, independência e uma conexão com o reino espiritual, servindo como um guardião de segredos. A Maga, por sua vez, é uma figura de sabedoria e conhecimento oculto. Com sua bola de cristal em forma de caveira, ela não apenas prediz o futuro, mas também simboliza a aceitação da mortalidade e a compreensão das verdades mais profundas da vida. A caveira, um ícone universal de morte e transitoriedade, aqui transformada em uma ferramenta de clarividência, sugere uma abordagem direta e sem medo dos mistérios da vida e da morte. Juntos, formam um duo dinâmico que representa a união do conhecimento esotérico e da percepção instintiva. Eles convidam o Mago Charlatão a explorar as profundezas de seu próprio ser, a reconhecer os mistérios não resolvidos e a abraçar um caminho de descoberta espiritual e autoconhecimento. Espetáculo do Fogo: No universo simbólico do "Mágico Charlatão", as figuras do homem (Frank Salomão) que cospe fogo e da mulher (Tauanne Gazoso) com o arco de fogo podem ser vistas como representações das energias masculinas e femininas dentro da psique do Mágico. O homem que cospe fogo encarna a energia masculina, simbolizando paixão ardente, transformação e poder bruto. Esta imagem reflete a capacidade do Mágico Charlatão de incitar admiração e espanto, além de sua habilidade em manipular a realidade e criar ilusões espetaculares. Em contrapartida, a mulher com o arco de fogo personifica a energia feminina, representando sedução, mistério e controle. Ela espelha a natureza enigmática do Mágico e sua influência magnética sobre o público. Juntas, estas figuras expressam as facetas complexas do Mágico Charlatão, atuando na narrativa como extensões de sua personalidade e poder.

Participação Especial: A participação de Kamylla Marques, que faz parte do Circo Astros, como uma das personagens principais, enriquece significativamente a produção. Sua presença não apenas expande o escopo visual do cenário, mas também infunde uma autenticidade palpável e um brilho excepcional na obra.


66 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo

1 comentário

Avaliado com 0 de 5 estrelas.
Ainda sem avaliações

Adicione uma avaliação
Convidado:
07 de dez. de 2023

BLUZEIRA...

Curtir
bottom of page