• Alex Fraga

Artigo - Miriam, a mulher pecadora, por P. Osmar Resende

Atualizado: 10 de abr.

O artigo deste domingo no Blog do Alex Fraga do P. Osmar Resende, sdb, da Paróquia Dom Bosco de Guarapuava (PR) é intitulado: Miriam, a mulher pecadora.


MIRIAM, A MULHER PECADORA

Osmar Resende


Certa vez Jesus saindo do Monte das Oliveiras dirigiu-se ao templo de Jerusalém, antes do nascer do Sol. E logo se viu rodeado por um bando de velhos madrugadores. Começaram a conversar, quando alguém apresenta a Jesus Míriam, uma mulher considerada pecadora, que havia sido pega em flagrante adultério. E, conforme as leis judaicas, deveria ser apedrejada. E questiona Jesus sobre o destino daquela mulher. Deveria ser apedrejada, conforme a Lei?

O que faz Jesus? “Quem não tiver pecados que atire a primeira pedra”, diz Jesus. E o que acontece? “Um a um vão se retirando, a começar pelos mais velhos”, diz o Evangelho de João.

Jesus se encontra só diante da mulher. “Ninguém te condenou? Eu também não te condeno. Vai e não peques mais”. Jesus perdoa, mas ao mesmo tempo exige compromisso com a vida, com a própria felicidade.

Não podemos sem mais julgar as pessoas, sem ver a realidade, a situação. Devemos acreditar sempre na possibilidade de conversão, de reconciliação.

Tal fato nos revela o preconceito, a discriminação contra a mulher. Por que não trouxeram o adúltero e apenas a mulher? Vivemos ainda numa sociedade machista, preconceituosa.

Jesus veio manifestar justamente a bondade, a misericórdia de Deus, que veio para os pecadores e não para os considerados justos.

Existe um vídeo circulando por aí em que o Papa Francisco exorta, incluindo os padres, ao exercício da misericórdia, do perdão, inclusive na confissão. A não sermos torturadores da consciência, agentes do terrorismo espiritual.

E, sem dúvida, na Igreja, precisamos caminhar muito com relação à participação da mulher no exercício dos ministérios, no serviço do povo de Deus.

65 visualizações0 comentário