• Alex Fraga

Arte – Escola Heitor Castoldi dá exemplo de valorização cultural

Todas as pessoas devem saber que a arte na escola tem um poder transformador. Primeiro porque ela desenvolve a criatividade, a capacidade de solucionar problemas, melhora a autoestima, faz o aluno desafiar seus limites e aumenta seu repertório cultural e estético. Esse exemplo está sendo dado na Escola Municipal Padre Heitor Castoldi que no último sábado promoveu a Feira Científica e Cultura com as participações de seus alunos que participaram de diversas atividades artísticas.


Por exemplo, quando um aluno, com autonomia, começa a apreciar o trabalho artístico, interpretando e identificando suas características, é sem dúvida um ponto significativo no processo de aprendizagem. Foi o que a direção dessa escola percebem e vem recebendo apoio total dos pais dos alunos que ali estudam. Com a inserção da arte, com certeza o aluno passa a consumir arte de forma natural.



O artista visual Apres Gomes por exemplo, esteve na feira realizando uma oficina de pintura para as crianças da comunidade escolar. Todos adoraram e admiraram a paciência do artista em ensinar os pequenos estudantes a arte de pintar. O convite veio através da professora Magali Torres e do diretor da escola, professor Lauro Guedes, que sempre estão preocupados em passar a cultura para todos os seus alunos. O tema da Feira Cientifica e Cultural foi “O mundo das profissões”.

0 visualização

© 2023 por O Artefato. Orgulhosamente criado com Wix.com

  • Facebook B&W
  • Twitter B&W
  • Instagram B&W